Dicas

Culinária

Dicas de molhos para cada tipo de massa

O macarrão é uma das massas mais consumidas do mundo e cada tipo e formato possui um tipo mais adequado de molho para que a receita fique perfeita!

 

Massas longas

Espaguete e linguine ficam perfeitos com molhos líquidos e mais grossos. Os molhos cremosos dificultam puxar o espaguete com a boca e podem ficar muito grudentos. Os molhos mais indicados são: molho sugo, bolonhesa, pesto, bechamel, carbonara, alfredo e também o alho e óleo. 

Bucatini é um tipo de espaguete, só que mais grosso e com um furinho no meio. Como ele é mais difícil de ser puxado pela boca, o melhor é acompanhar com molhos líquidos, mas um pouco mais engrossados ou amanteigados, com queijos, alfredo, pesto e putanesca.

Fettuccine, tagliatelle e pappardelle são massas longas, porém mais largas e achatadas, combinam com quase todos os tipos de molhos, mas é mais comum vê-las acompanhadas de ragus, que são molhos feitos de carne ou frango, cozidos com vinho e molho de tomate por longas horas, ficando bastante espessos. Outras excelentes opções são os molhos como o carbonara e o Alfredo.

Talharim é um meio termo entre linguine e fettuccine, também é longo e levemente largo. Fica bom acompanhado de molho carbonara, alfredo, ragu e molhos que tenham frutos do mar.

Capellini também é chamado de cabelo de anjo. É um macarrão longo, porém super fino, realmente parecendo um fio de cabelo. Como ela é super fina, o melhor modo de fazer essa massa é em sopas ou gratinadas com recheio. Os molhos mais comuns são bechamel, sugo ou manteiga com ervas.

 

Massas curtas

Fusilli, penne e farfalle são super comuns de serem encontradas. Por serem curvadas, frisadas ou com buracos, os molhos e recheios são muito bem absorvidos por esse tipo de massa. Quanto mais ingredientes, mais rica a receita fica. Bolonhesa, molhos refogados com azeitona e legumes, atum, carnes e também molhos cremosos bem espessos. Também são ótimos para saladas (com ou sem maionese).

Rigatoni é o macarrão que parece um tubo, bastante largo e de comprimento variado. Por ser bem aberto, é muito comum que receitas com rigatoni incluam recheios e molhos bastante cremosos e à base de queijo, geralmente gratinados.

Macaroni é o famoso macarrão do famoso mac & cheese, curtinho, curvado e aberto no meio. Além de molhos cremosos de queijo, o macaroni também fica ótimo com carnes e legumes picados.

Ravioli, tortellini e capeletti são massas recheadas que parecem pasteizinhos. São super versáteis, podendo ser preparadas em molho sugo, bolonhesa, bechamel ou quatro queijos, gratinadas ou até mesmo em sopas.

Conchiglione parece uma concha gigante. Pelo fato de ser grande e bem aberto, é preparado com bastante recheio.

Gnocchi ou nhoque é uma massa que tem alguns formatos variados, dependendo de quem o faz. Pode ser combinado com diversos tipos de molho, ao gosto de quem cozinha. Quando o gnocchi for de massa seca, os molhos perfeitos são o à bolonhesa e ao pesto. Quando a massa é feita de batata, o que a torna bem delicada, os molhos à base de tomate, ragus leves e o bechamel com queijo mais encorpado, como o gorgonzola, são os mais indicados.

 

Massas Pequenas

Argolinhas, letrinhas, conchas, estrelas, risoni, ave maria e pai nosso. São diversas opções de massas pequenas e todas elas são quase exclusivamente adequadas para sopas.

 

Dica!

Carnes vermelhas combinam com molho vermelho e carnes brancas combinam com molho bechamel ou quatro queijos. Se você usar legumes para o recheio, o molho escolhido varia de acordo com sua criatividade no momento, mas também ficam ótimos com ervas e alho.

Dicas Rede Mais